dechi

fictions

008.森の王

蛍の光、窓の雪、

書読む月日、重ねつゝ、
 
 

 

 閉館時間の「蛍の光」、ここで一番これを聴いているのは俺だと思う。
日本語の歌詞がつく以前、このメロディは旧友との再会を祝う民謡だったという。
旧友ねえ・・・俺が友人と呼べるのは、佐々木とマチケンくらいだな。
 
 確か佐々木は銀行員、マチケンは東京で医薬品の営業か何かをやっているはず。もう携帯も解約したので連絡の取りようがない。そういえばこの前、大通りのコンビニでマチケンの弟が働いていたのを見た。
 
 新しくなった市立図書館に通う様になって3年目ともなれば、司書の連中とも顔見知りになってしまう。すれ違いざまに挨拶はするけれど、さすがに目は合わせられない。開館時間から閉館時間までずっとうろついているのだから、補導されてもいいような気がするのだけど、そうされないのは、やはり本を読んでいるからなのだろう。
 
 最初のうちは変なやる気もあって、色々とマニアックな本を読み漁っていたけれど、そのうちに飽きてきて、今はよく分からない本を、よく分からないまま読んで、その日のうちに元の棚に戻す。何冊か読んで戻して、閉館になれば帰るだけだった。
 
 春、夏、秋、冬。元々、うちの親も干渉しないタチだったから、仕事を辞めてから、そのまま、なし崩し的に今の生活になってしまった。家に帰れば自分の分の食材だけ使って食事して寝る。たまに料理が作ってあるので、そういう時は食べて皿も洗う。変に几帳面なのが自分でも嫌だ。
 
 顔見知りになるのは司書ばかりではない。俺のように朝から晩まで図書館でぼんやりしている奴・・・大抵は50歳を超えているような奴らばかりだ。本も読まずにぼおっとしていたり、昏々と眠り続ける奴もいる。いったいどうやって生活しているんだろう。年金だろうか。
 
 「よう、読んでるか」たまに馴れ馴れしく声をかけてくる奴もいる。一番年長の、もう小さく縮んだ様な老人だ。他の連中(司書を含める)に比べると幾分か朗らかで嫌みがない。「ああ、はい」でも付き合いたいタイプでもない。そそくさと立ち上がり読んでいた本を元の棚に戻す。
 
 「金枝篇は読んだか」聞こえなかったふりをして、出入り口に向かう。図書館ではお静かに。後から追いかけてくる様子もないが、しばらく図書館通いを控えようと思った。
 
 
 フレイザー著「金枝篇」全5巻、図書館に通い始めの頃2巻までは借りたが、そこから先は別の街の図書館から取り寄せになると聞き、半端になっていたのを思い出した。今の老人は何を言いたかったんだろう。何にせよ、関わらないほうがいい。そうとも、もしも俺が脱走した奴隷で、この図書館がネミの森で、あいつが——
 
 
 
 
 そこまで考えて急に振り向いた。さっきの老人は本の棚越しにこちらを見ていた。「蛍の光」はまだ鳴っていた。
 
 
 
 
 
 
"Firefly, snow window also shines
 Month, while overlaid read book,"
 
 
I think of listening to this most “Firefly shines(Auld Lang Syne)" here closing time that's me.
Before the Japanese lyrics arrive, this melody that was folk to celebrate the reunion with an old friend.
My friends I call them, It’s only Sasaki and Machi-ken.
 
 
Maybe Sasaki became banker,and Machi-ken are marketing of pharmaceuticals in Tokyo certainly. No way to reach it since the cancellation also mobile anymore. Before this, I saw brother Machiken is was working at a convenience store in the avenue.
 
 
If accustomed to the third year and become as attending City Library which became new, guys librarian also become acquainted. To greet the passing Zama, but the eyes are not aligned indeed. Now that I'm hanging around all the way to the closing time from opening time, and I have a feeling like they can be guidance, but does not it do so, it will because something is reading a book again.
 
 
There is also a strange motivation at first, it was the day after tomorrow to read a book a maniac in various ways, but I have been tired of them, to read while I do not know, a book I do not know well now, the original of the day I returned to the shelf. The back and read some books, it was only return if accustomed to closing. Spring, summer, autumn, winter. Originally, because it was style parents out also does not interfere, after I have stopped work, as it is, it has become now lives without debate. Go to bed with meals using only ingredients minute of my own if go home. Because there are times when they have made cooking occasionally, I wash dishes also to eat at such time. I hate my scrupulous.
 
 
Become acquainted it is not just a librarian. Guy ... usually I have vaguely at the library from morning till night as I'm just guys, such as those over 50 years old. Some guy that he can have it looming without reading a book, continue to sleep with sleeping people. The wonder is living how the hell. With pension?
 
 
One guy "Hey, you are reading?" come over voice over‐familiar occasionally. Senior most, it's an old man like shrunken small anymore. No sarcasm Cheerful somewhat compared to (including the librarian) the others. It is not a type I want socializing "yes, sir..." even. To return to the shelves of original book I had read and rising hurriedly. By pretending to "Have you read The Golden Bough?" you did not hear, towards the doorway. To be quiet in the library. There is no appearance that comes from chasing after, but I'm going to wait to go to the library for a while.
 
 
I borrowed until Volume 2, days of beginning Fraser Author, "The Golden Bough" all five volumes, going to the library, but I heard earlier become ordered from the library of the city of another from there, I remembered it from had become odd.
 
He would do what to say? In any case, should not matter what is good. Both Saw slavery that I escaped, then the in the woods of Nemi, is this guy library -
 
 
Was turned around suddenly to think up there. Old man a little while ago had seen here on the shelf over the book. "Auld Lang Syne" was still ringing.
 
 
 
 
 
 
"Firefly, a janela a neve também brilha
  Mês, enquanto sobreposto ler o livro, "
 
 
Eu acho que de ouvir esta mais "Firefly brilha (Auld Lang Syne)" tempo aqui fechando esse sou eu.
Antes as letras japonesas chegam, essa melodia que era popular para celebrar o reencontro com um velho amigo.
Meus amigos me chamam, é só Sasaki e Machi-ken.
 
 
Talvez Sasaki se tornou banqueiro, e Machi-ken está no mercado de produtos farmacêuticos, em Tóquio, certamente. Não há maneira de alcançá-lo uma vez que o cancelamento também móvel mais. Antes disso, eu vi o irmão Machiken se estava trabalhando em uma loja de conveniência na avenida.
 
 
Se acostuma com o terceiro ano e tornar-se como assistir a Biblioteca Municipal, que se tornou o novo, pessoal bibliotecário também conhecer. Para saudar o Zama passando, mas os olhos não estão alinhados, de fato. Agora que eu estou pendurado em torno de todo o caminho até o horário de fechamento do tempo de abertura, e eu tenho uma sensação de que eles podem ser de orientação, mas não é mesmo fazê-lo, ele vai porque algo está lendo um livro novo.
 
 
Há também uma motivação estranho no início, era o dia depois de amanhã para ler um livro um maníaco de várias maneiras, mas eu tenho sido cansado deles, para ler enquanto eu não sei, um livro que eu não sei bem agora, o original do dia voltei para a prateleira. A parte de trás e ler alguns livros, só foi voltar se acostumado a fechar. Primavera, verão, outono, inverno. Originalmente, porque era pais de estilo fora também não interfere, depois de ter parado o trabalho, pois é, tornou-se agora vive sem debate. Vá para a cama com as refeições, usando apenas ingredientes minuto do meu próprio país, se voltar para casa. Porque há momentos em que eles fizeram cozinhar de vez em quando, eu lavo pratos também para comer nesse momento. Eu odeio meu escrupuloso.
 
 
Familiarizar-se que não é apenas um bibliotecário. Guy ... geralmente eu tenho vagamente na biblioteca de manhã até a noite, como eu sou apenas caras, como os mais de 50 anos de idade. Um cara que ele pode tê-lo aparecendo sem ler um livro, continuar a dormir com pessoas dormindo. A maravilha é viver como o inferno. Com pensão?
 
 
Um cara "Ei, você está lendo?" vir voz sobre familiar ocasionalmente. Senior maioria, é um velho como encolhido pequeno mais. Sem sarcasmo alegre um pouco em comparação com (incluindo o bibliotecário) os outros. Não é um tipo que eu quero socializar "sim, senhor ..." mesmo. Para voltar às prateleiras de livro original que eu tinha lido e subindo rapidamente. Fingindo "Você já leu The Golden Bough?" você não ouviu, em direção à porta. Para ficar quieto na biblioteca. Não há aspecto que vem correndo atrás, mas eu vou esperar para ir para a biblioteca por um tempo.
 
 
Peguei emprestado até Volume 2, dia de início Fraser Autor, "The Golden Bough" todos os cinco volumes, ir à biblioteca, mas eu ouvi antes tornam-se ordenada da biblioteca da cidade de uma outra de lá, eu me lembrava de ter se tornado estranho .
 
Ele faria o que dizer? Em qualquer caso, não importa o que é bom. Ambos viam a escravidão que eu escapei, então o na floresta de Nemi, é esta biblioteca cara -
 
 
Foi de repente virou-se para pensar lá em cima. O velho há pouco tinha visto aqui na prateleira sobre o livro. "Auld Lang Syne" ainda estava tocando. 
広告を非表示にする